sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Lembranças


Ela era apenas uma garota. Uma garota que, impressionantemente, sabia o que queria. Embora todos achassem que era apenas uma ilusão.
Deu tudo de si, até mesmo o que não tinha.  Entregou-se de corpo e alma à aventura mais linda de sua vida. Foi feliz.
Sentia que ali era seu lugar, e mesmo que esse lugar fosse um deserto ou um canto esquecido do mundo, era ali que queria e gostaria de ficar pelo resto de sua vida.
Tinha todo o amor que precisava pra ser feliz, e sabia disso. Isso a fazia querer cada vez mais aquilo. Aquele gosto de amar e ser amada e a sensação de que era realmente verdadeiro, único e eterno.
Todos os dias o sol brilhava sobre sua face, vez ou outra uma ventania vinha tentar tirar-lhe do rosto o sorriso mais puro, mas não conseguia, ele era inabalável, verdadeiro, e ela sentia que não viveria sem ele, pois já fazia parte de si e a cada dia alimentava o sentimento sublime.
Certo dia, a ventania que sempre tentara roubar de seu rosto o sorriso, veio da forma mais cruel, usando de todas as suas armas para conseguir o que desejava, e, como um tornado, destruiu todos os seus sonhos. Arrancou-lhe o que a fazia feliz. Não pôde acreditar que tudo o que havia planejado estava simplesmente arruinado e desmoronado sobre seus pés. Calou-se.
Sim, não sabia o que fazer, o que falar, queria fechar seus olhos e durante pelo menos um segundo deixar de existir. Foi inevitável.
Hoje segue seu caminho,olhando para frente, vivendo e buscando a cada dia a felicidade. Levando consigo o amor que um dia foi plantado no seu coração e que a ventania jamais conseguirá arrancar, pois ele permanecerá ali, intocável e sublime.
By Aline

4 comentários:

  1. oi adorei o texto migah , como faço pra te seguir?
    bjs ane

    ResponderExcluir
  2. Texto macio e sereno. Muito bom. Voltarei sempre para te ler.
    De uma passada lá tbém.
    http://robsondibrito.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Parabéns, minha querida!
    Texto fluido e gostoso de ler!

    ResponderExcluir
  4. obrigada a todos vocês, meus queridos!

    ResponderExcluir